domingo, 25 de janeiro de 2015

A HORA DO ACERTO - UM GRANDE "ACERTO" DE JACKIE CHAN NA SUA CARREIRA

BOA TARDE! Tudo bem com vocês? Eu estou de volta para postar no blog, mas infelizmente não vou poder postar com frequência pois eu tenho outro blog, O FANTÁSTICO CIRCO DA FÓRMULA 1, que eu posto com frequência, mas eu vou tentar fazer o possível para não deixar o blog abandonado.

Eu estou no desafio de ver e conseguir cada filme de Jackie Chan. Eu já vi mais de 40 filmes de Chan, seja dublado, legendado, com imagem ruim, com imagem boa, na televisão, no youtube ou em tudo que é lugar. Porém eu percebi também que é raro você achar uma resenha dos filmes do Jackie Chan.

E para começar, hoje eu falo de um filme que marcou uma nova fase de Jackie: A HORA DO ACERTO. Lançado em 2004, o filme de Jackie é altamente dramático e nada de comédia que é a marca registrada do astro. Mas nem por isso é um filme ruim, pelo contrário.

Por isso, vou postar uma resenha sobre o filme. Estão prontos? Então Here We Go!!!!!!!!!!!!!!!

Jackie Chan dramático - O personagem de Chan não se perdoa pela morte do seu grupo em uma ação contra uma gangue

A HORA DO ACERTO

Eis um filme que começou a mostrar um "Jackie Chan ator". Cansado de ser estereotipado como engraçado e o rei das pancadarias, Chan quis provar de uma vez por todas que ele sabia atuar. Mas engana-se que foi a primeira tentativa dele fazer isso. Chan fez a mesma coisa em "Coração de Dragão" e em "Crime Story". Nesse último, Jackie estava tão sério que o público acabou estranhando e no Brasil ele nunca foi lançado oficialmente.

Mas voltando ao enfoque inicial, o título original do filme é NEW POLICE STORY, mas, com relação ao título, nada tem a ver com o famoso filme que consagrou Jackie para sempre. Se em Police Story tem comédia, em New Police Story tem drama; Se em Police Story Jackie tinha superiores, em New Police Story ele era o chefe e se em Police Story ele segurava cadeiras, armas e tudo o que era coisa para lançar nos inimigos, em New Police Story ele segurava um copo de cachaça e lançava na boca.

No início do filme, aparece Chan Kwok Wing, até agora sem mostrar a sua identidade, bebendo e depois caindo de bêbado na rua até deitar no chão desacordado. Nessa, aparece um rapaz que senta do seu lado e pega a sua carteira e vê que aquele bêbado é Chan Kwok Wing, um inspetor de polícia que um dia fora respeitado. Para se entender o porquê da situação, fomos levados há 1 ano antes da cena inicial.

Uma gangue de adolescentes delinquentes e filhinhos de papai são assassinos sanguinários e que roubam bancos importantes em Hong Kong. O passatempo deles é de assassinar policiais em base de um jogo que eles jogam em que se ganha pontos cada vez que um policial é morto. No primeiro assalto que eles cometem, eles matam vários policiais, mas deixam escapar uma bolsa de dinheiro, que um policial (Sam) acaba pegando e nessa a moça que participa da gangue acabou sendo pega. Mas logo o seu namorado, Joe Kwan (guardem esse nome) vem e a salva e atira nos policiais do beco.

Então o inspetor Chan falou na televisão que em 3 horas todos eles estariam detidos. Ele descobriu o esconderijo deles e ele levou 9 homens com ele para prendê-los, dentre eles o seu cunhado.

Então eis que a gangue começa a colocar imagens de jogos e telas de computador em tudo que é parede no esconderijo deles, e enganam os policiais com bonecos fingindo ser eles. Então eles começam a fuzilar os policiais. Todos eles foram fuzilados, menos o cunhado de Chan e o próprio Chan. Mas eis que Chan acabou preso em um lugar jeito de projeções e o seu cunhado acabou sendo capturado também. Quando encontrou o seu cunhado amarrado, percebeu que todos os outros estavam amarrados também a uma altura enorme.

Chan se desespera e começa a chorar e dizer o que eles querem dele. Então a gangue dá as caras e cortam a corda de um dos homens de Chan e diz que eles querem jogar com ele. Porém tem um trato: Se Chan perder, ele cortaria a corda de dois homens e se caso ele ganhasse, salvaria a vida deles. O primeiro jogo foi montar uma arma. Quem montasse a arma primeiro ganhava. Chan perdeu e eles cortaram a corda de dois homens. Depois, o jogo seria brigar com um homem da gangue deles. Chan perdeu de novo e mais dois homens dele mortos. No terceiro jogo, Chan tinha vencido, porém ele tinha que ter vencido em 20 segundos e acabou vencendo em 23 ........ mais três foram para o espaço. Sobrou apenas o seu cunhado.

Eles fugiram, e então tacaram fogo na corda que estava no cunhado de Jackie e eles foram embora. Chan conseguiu salvar o seu cunhado em um primeiro instante, porém ele acabou morrendo. Atordoado, a única coisa que Chan conseguiu fazer foi pegar os seus homens, colocar em um carrinho e sair de lá, pois o galpão estava prestes a explodir. Então apareceu uma cena de funeral e Chan em casa, deprimido e com a foto do seu pessoal na mão.

O personagem de Chan cai no alcoolismo e vê a sua carreira acabada


Então Chan se torna um alcoólatra, afastado do cargo e se sentindo profundamente culpado pelo o que aconteceu, não conseguindo se perdoar. Uma cena de roubo acontece quando ele sai do bar, bêbado, mas ele não fez nada e ainda os ladrões o roubaram e viram que ele era um policial e bateram nele. Então se volta para a cena do começo do filme, com Chan deitado no chão e com o rapaz do seu lado. Logo descobrimos que ele é Fuen Cheng , um policial que foi designado para cuidar de Chan.

Mas Chan não quer a ajuda de Cheng, que insistentemente quer que Chan pare de beber e resolva o caso que tanto lhe assombra. Ele tenta explicar a Chan, mas o inspetor não quer saber, ele diz que a sua carreira está acabada. Mas Cheng tenta de tudo para reerguer Chan, querendo que ele reaja de alguma maneira. Até uma festa de aniversário surpresa ele armou fingindo que era ideia de Chan para tentar reaproximá-lo da namorada. Aparentemente o plano deu certo.

Mas Chan continua bebendo e Cheng no seu pé. Até que em uma bela hora Chan sai do bar e Cheng lhe segue e um assalto acontece. Cheng bate em um deles e o outro tenta escapar, indo em direção de Chan. Cheng pediu para ele segurá-lo, pois ele era um policial. O assaltante passou por Chan como se fosse fugir, mas......... Jackie lhe pegou pelas costas e pegou o ladrão e eles foram para a delegacia. Lá, mostrou um Chan bêbado dormindo no banco da delegacia.

Nessa cena somos apresentados a Sa Sa, uma policial que acaba chamando a atenção de Cheng. Aí também, Cheng enfrenta o chefe do departamento de polícia, que por ventura é pai do Joe, o líder da gangue e que judiava do seu filho quando criança. Cheng consegue com que Chan seja responsável pelo caso, mas mesmo assim Chan não quer saber. Eles vão encontrar Sam, onde uma briga ocorre e Chan ajuda Cheng e em seguida Sam aparece. Chan pede a ajuda de Sam, que depois de um tempo finalmente entrega um relógio para ele que ele conseguiu arrancar da moça que faz parte da gangue. Então Sa Sa descobre que ia ter uma festa e a tal gangue iria lá. Então lá foram Chan e Cheng.

Chan reconheceu o relógio de um deles, o do cabelo vermelho (o mesmo que jogou com Jackie de luta). Nesse meio tempo, Sam aparece com o pai de Joe para reconhecer a moça da gangue. Quando ele iria falar quem era, ele acabou sendo morto e um tiroteio tomou lugar na festa. Uma cena bem legal de perseguição aconteceu, seguida por um ônibus desgovernado que no fim foi freado e parado pelo caminhão que Cheng dirigia.

Chan e Fuen, um "policial" que tenta de tudo para reerguer Chan


Chan levou um xingo do seu superior (o pai do Joe) e Chan disse que ele estava no caso com Cheng. Foi aí que ele disse que nem policial Cheng era. Então Chan foi tirar satisfação com Cheng e ele afirmou que ele realmente não era policial e nem poderia ser porque o seu pai era ladrão. Mas Chan não acreditou na sua história e diz que ele o prejudicou. Mas Cheng diz que não, que pelo contrário, só ajudou o inspetor.

A partir de então a tal gangue voltou a atacar de novo e acabaram pegando a namorada de Jackie. Ele colocou uma bomba nela, e Jackie foi lá tentar salvá-la e disse que ela era o seu amor nessa vida e na outra. Ele saiu da sala um pouco e ela cortou os fios (tentando se matar?????) mas no fim deu certo, a bomba foi desarmada. Mas não era que o fio verdadeiro estava preso a roupa dela? Quando ela levantou e foi, a bomba começou a ir rápido e logo explodiu, a deixando ferida e na UTI. Então, o tal pai de Joe e um outro lá falaram que Chan estava preso por ajudar Cheng a se passar de policial.

Dentro da cadeia, Sa Sa consegue pegar a chave da cela para os dois escaparem. Mas então todo mundo dá de cara com eles, mas fingem que não viram nada. Então ambos foram ao local aonde a gangue estava. Aconteceu uma luta lá, Joe matou um dos seus parceiros e o moço de cabelo vermelho teve a chance de matar Chan, mas desistiu depois que Chan pediu uma ambulância para ajudá-lo, pois estava ferido.

ATENÇÃO, A PARTIR DE AGORA SE CONTA O FINAL DO FILME! SE QUISEREM VER FICA A CRITÉRIO DE VOCÊS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


Joe foi parar lá no topo do prédio e amarrou Cheng e jogou ele lá do alto, o segurando por uma corda segurada pelo pé. Joe propôs um jogo para Chan. Se ele conseguisse armar uma arma mais rápido do que ele, ele salvaria o seu amigo. Então Chan aceitou e dessa vez, com a cena dos seus homens mortos no galpão vindo a sua mente, ele não errou dessa vez e montou a arma mais rápido e apontou para Joe. Nisso, apareceu um monte de policial e o pai de Joe. Joe tirou as balas da arma e levou um tiro na perna disparada pelos policiais. Joe começou a chorar e apontou a arma para o pai e levou outro tiro, e nisso Chan gritou que ele estava com uma arma sem balas. Não sei dizer se Joe morreu ou não, mas pelo que dá a entender ele morreu. Então Chan tem que salvar Cheng. E no final consegue depois de tantas emoções.

Uma das cenas finais do filme

Na cena final, Chan junto com o seu batalhão estão a espera da namorada de Jackie receber alta e Chan a pediu em casamento e ela aceitou. Cheng e Sa Sa foram embora em seguida, também dando a entender que estão juntos. Cheng então deixou uma jaqueta que ele sempre usava lá em uma grade ou algo assim. Enquanto abraçava a namorada, Chan olhou para aquela jaqueta e de repente uma cena rolou.

Mostrou um menino e o seu pai, ambos miseráveis, em uma noite em Hong Kong. O menino falou para o pai que estava com fome ainda e então o seu pai entrou em um mercado e roubou algo de comer pro filho e falou para ele pegar e fugir dali. Mas então ele foi atropelado por um caminhão e acabou morrendo e as lágrimas caíam do rosto do menino. Ele correu em direção ao pai e os policiais bateram no homem o chamando de "ladrão nojento". Eis que chega Chan e pede para eles pararem com isso e chamarem uma ambulância. Então ele tirou o seu casaco e colocou por cima do homem . Sentados em uma escada, o pequeno menino e Chan estavam conversando e no fim Chan disse que ele tinha "que superar aquilo". Quando perguntou o seu nome, o menino respondeu: FUEN CHENG. Ou seja, Cheng queria reerguer Chan por conta daquele dia pelo o que Chan disse para ele. A partir dai, tudo faz sentido.

Um bom filme de Chan para quem quer se emocionar no fim ao invés de ver muita ação e comédia. Se Jackie quis provar que ele sabia atuar, ele conseguiu.

NOME DO FILME: A HORA DO ACERTO
TÍTULO ORIGINAL: NEW POLICE STORY
IDIOMA: CANTONÊS
ANO DE LANÇAMENTO: 2004


Eu gostei bastante desse filme. Eu tinha visto a metade dele na Record uma vez, mas nunca tinha visto inteiro. Bom, eu pelo menos gostei kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Ah! E como de praxe, Jackie gravou a música tema do filme, que chama SEPTEMBER STORM.

Aqui está a música:



Espero que gostem!!!!!!!!!! Bjs!

Chora não Jackie, já já eu volto kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk




4 comentários:

  1. Bruna e esses POSTS <3 arrasando cada vez mais! <3 Parabéens Brubs <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Midna!!!!!!!!!!!!! Tenta divulgar esse blog de Meu Deus kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk bjs!

      Excluir
  2. No filme A Hora do Acerto, tem uma coisa errada que você colocou, na verdade não é o cara de cabelo vermelho(Fire) que não atira no Jackie Chan e sim o de cabelo loiro(TinTin). Eu adoro esse filme.

    ResponderExcluir